Olhares.

, , No Comments
Ônibus lotado. Eu de um lado, você do outro. Frente a frente. Nunca acreditei em amor a primeira vista, mas com você eu pude acreditar. Ao te ver, senti uma vontade imensa de sorrir. Tentei contê-lo, o que você pensaria de mim? Pensei melhor e gritei na minha cabeça, que se dane! Sorri e você sorriu de volta, e então eu não pude mais tirar os olhos de você. Até pensei em me aproximar (que atitude ousada de minha parte), mas o ônibus estava cheio demais. Você desceu no mesmo lugar que eu, mas eu perdi você no meio da multidão. É engraçado ver uma pessoa uma única vez na vida e gravar o olhar e sorriso dela pelo resto da noite e/ou vida. Olhar forte, intenso, azul da cor de águas cristalinas. Não sei se o verei novamente, talvez sim, talvez não. Um grande talvez. Só sei que aprendi uma coisa ontem: sorrir pode salvar vidas. 
Postar um comentário