Difícil negar

, , No Comments
É quase impossível dizer seu nome. Muito menos apelidos. Eu não consigo dizer que estou bem quando lembro de você. Quando lembro do que passamos juntos.
Eu só queria passar a tarde toda com você deitado me meu colo, te acariciando. Agora você está milhas e milhas longe de mim. Onde erramos? O que deu errado e por quê?
Eu não sei ao certo, fico perdida quando penso nisso.
Você admite que temos uma música, que sente a minha falta. Eu nem preciso mais te dizer o quanto quero estar contigo. Mesmo assim, você não está aqui.
Falo de amores, falo de sorriso. Mas a verdade é que não sei o que pensar direito. Você não está mais aqui. Meu sorriso se tornou apagado desde que partiu, meu coração se entristeceu, se fechou.
Minha vida tão colorida contigo, não passa de uma foto em sépia perdida no tempo agora.
Eu poderia dizer novamente como eu te amo e não sei ao certo o por que desse amor. Mas do que adianta?
Eu já não ouço mais a sua voz e suas mensagens já não chegam mais até mim. Eu poderia pensar em um bilhão de motivos pra tentar entender a sua distância, mas não quero pensar nisso.
Decidi seguir em frente. É difícil aqui sem você, mas não é por isso que desistirei de tudo o que me resta viver ainda. Aprendi na dor viver sem você. Dizem que a vida é assim, se aprende por dor ou amor. Com ardor ou fulgor. Com ou sem ti.
Vou caminhando sozinha nessa longa estrada chamada vida. Talvez um dia podemos se encontrar ou nunca mais se ver, o que importa mesmo é o que levo guardado comigo aqui dentro. Os melhores momentos, quem eu pude dizer que já amei...
Postar um comentário