Folha ao vento

, , No Comments
Posso dizer que te cuidei desde sempre.  Desde a primeira vez que ouvi seu "Olá" e desde que comecei a te ver quase que todo dia.
Seu olhar é tão terno e contrasta com sua voz grave e sua postura firme e forte. Pensei no inicio que era algo irreal, quase que platônico e agora começo acreditar em amor...
Parecia errado no começo, talvez até anti ético, mas por que eu ligaria? Eu ligava mesmo era para os sentimentos que estavam em mim. O quanto eu gostava de te ver sorrir e o quanto eu sorria ao te avistar mesmo de longe; e aquela vez que ficou tão próximo a mim? Eu podia ouvir seu coração bater alto, ou seria o meu? Eu não conseguia tirar os olhos dos teus olhos e sabia que os teus alternavam entre meus lábios. Eu não sabia mais como respirar naquele momento. Mesmo após você sair, continuei desnorteada. Como pode você me afetar tanto assim?
Dizem que é destino, eu já não sei direito, só sei que te cuidei desde sempre. Dizem que é amor, talvez seja mesmo. Eu só quero é um beijo teu! Porque somos como folhas carregadas pelos vento que cedo ou tarde se encontram, vagando por aí...
Postar um comentário