Fora um dia.

, , No Comments
O vento gelado passou por mim e consigo ele levou parte da minha alma. Talvez também metade do espirito e meu coração. Me sinto deslocada outra vez depois de tanto tempo. Meio perdida, sem saber o que fazer. Minha mente tá em reformas e meu coração uma bagunça... Eu queria tentar te explicar, falar o que houve. Mas acontece que nem eu sei e/ou entendo o que se passa aqui dentro.
Só sei que sua distancia me afeta de maneira grotesca, é algo horrendo. Uma dor lacerante. Nunca senti algo assim. Essa tua ausência me deixa até doente, sem fome ou sede. Sim, me faz mal. Eu queria poder ir atrás de ti e te contar meus segredos e dentre todos eles, o maior: que eu te amo.
Mas já não tenho forças para tal ato de coragem. Talvez eu deva ficar assim, aqui sozinha. Se um dia novamente as forças me tomarem as pernas e também, eu não mais gaguejar ou delirar ao ouvir teu nome, assim o procurarei. Mas enquanto isso não vem, o vento lá fora se vai e com ele meu amor...
Postar um comentário