Tarde demais para amar.

, , No Comments
As vezes me pego pensando em como te conheci. Eu ainda fazia aquele curso de administração, e você era o novato da turma. Eu te achei legal já de cara. Começamos a conversar e isso se tornou, hm importante, todos os dias falar contigo. Nos tornamos grandes amigos, te falei sobre meu termino de namoro e quão complicado foi. Chorei sempre no seu ombro e você me deu broncas, me aconselhou. Você me segurou quando meu mundo desabou e eu quase desabei junto com ele.
Não lembro direito o porque, mas comecei a te chamar de marido, lembra? Minha amiga chegou a me perguntar se eu estava namorando você. Eu disse que não, não tinha nada a ver, Eramos apenas amigos, e ótimos amigos. Sempre nos comportamos como um casal praticamente.
Ai alguma coisa mudou.
Eu disse que estava apaixonada pelo nosso amigo, você meio que me ajudou. Mas hoje eu percebo que sei la, você não aprecia feliz com essa ''situação''. A paixonite passou, e aí foi sua vez. Você disse estar gostando daquela garota. Eu fiquei morrendo de ciumes, e na época nem entendi, só achei que era medo de perder sua amizade. É, não era.
Demorei cerca de meses pra perceber que sou apaixonada por você desde sempre. Não receber suas sms, ou não ter a certeza de te ver toda quarta me deixa triste. E acredite, tomar coragem o suficiente pra te dizer tudo isso foi dificil. Mas o que adiantou agora não é? Você me disse que está namorando, e uau, isso quebrou meu coração. Primeiro porque como amigo, ou falando certo: melhor amigo, você não me contou. Segundo: porque tenho muito medo de perder você. Terceiro: terei que agir diferente do seu lado. Quarto: as sms serão cada vez menos. Quinto: Não posso fingir ser sua amiga, quando quero ser mais que isso. Sei que deveria ter falado tudo isso pessoalmente, mas acredite eu não conseguiria. Só quero que saiba que eu realmente gosto de você e não segurar sua mão, não sentir teu abraço ou te chamar como sempre chamo, já me deixa mal...
Postar um comentário